Translate

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

És a minha perdição


Nos teus passos ondulantes,
tens o andar,
o rumo, a graça
e o aprumo da cotovia cantora
nas manhãs de Primavera.
Nos teus gestos largos de juíza
[não é disso a tendinite
do braço cego da lei],
tens a robustez do chão
e a brandura das searas,
que me agarram
e afagam
à distância de um perfume.
Na tua voz de menina,
tens passarinhos cantores
no verbo que enfeitiça,
que sopra
e desembruma a espessura
das minhas noites de Inverno.
No sorriso e no olhar,
tens orvalheiras de luz
e de auroras prenhes de lua,
que te envolvem,
pura e vera,
na tua pele nívea
salpicada de inocência.
És ópera romântica de Wagner,
libreto e valquíria
da minha guerra por ti.
És horizonte,
cascata,
tela intensa e anjo bom.
És liberdade,
cadeia, és a minha perdição.

 

A TODOS DESEJO UM FELIZ NATAL
 
 
 

82 comentários:

brisonmattos disse...

Eu continuo voando com suas poesias. Essa então é de tirar o chão. rs Uauuuuuuu!

Karocha disse...

Lindo poema Jaime

Vou por no meu mural

Um bom natal para ti também

Beijos

Gracita disse...

Bom dia Jaime
Com tantos atributos é a perdição de um homem completamente apaixonado
Um poema espetacular meu amigo. Parabéns
Que o seu natal seja coroado de bênçãos de amor
E que novo ano chegue pleno de vitórias e sucessivas realizações
Um terno abraço e beijinhos doces no coração

Olinda Melo disse...


Olá, Jaime

O amor faz milagres.Só se
vê a pessoa que se ama e aí
ela é tudo, chama para si
a luz prateada da lua e
o brilho do Sol e todos os
encantos da Natureza.

Meu amigo, conseguiu
transmitir-nos isso de uma
forma simplesmente maravilhosa.

Bom Natal.

Abraço
Olinda

regina ragazzi disse...

Quanto lirismo!! Belo, muito Belo!!!
Grata pela visita e comentário Jaime Portela! Abraço!

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Olá Jaime,que poesia mais encantadora,um bálsamo de amor àqueles que
acreditam nesse sentimento que há em dois seres que se amam.
Obrigada pela visita e comentário.
Desejo a você um Feliz Natal e um 2016 com muita Saúde,Amor,Fé,Esperança e Paz.
Bjs-Carmen Lúcia.

Blog da Gigi disse...

Lindo!!!!!!!!! Abençoado Natal, Jaime!!!!!!! Abraços

Cidália Ferreira disse...

Boa tarde
Um poema perfeito!
Parabens



Um dia feliz, beijo
http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Rita Freitas disse...

Belas palavras de amor, de uma alma apaixonada.

Bjs e um feliz Natal

Laura Santos disse...

Uma "perdição" que traz a graça e a direcção no andar, mas também a força dos gestos (de antologia essa "tendinite do braço cego da lei"), e a robustez de um chão que não impossibilita esse perfume indelével que inebria e agarra. Alva pele, uma luminosidade no sorriso e no olhar, e esse misto de inocência e de guerreira que cria num voluntário aprisionamento a verdadeira liberdade.
Belíssimo, Jaime. Como sempre. Gosto do vocabulário contrastante.
Um Feliz Natal aí para casa.
xx

ॐ Shirley ॐ disse...

Ela é tudo de bom, viva o amor!
Querido amigo:
FELIZ NATAL!!!

Cristina Sousa disse...

Lindo poema, um mar de sentimentos. Gostei muito.
Um feliz Natal.
Beijo

CÉU disse...

Ah! Que título! Fiquei "assustada" e encantada, simultaneamente. É tão bom ouvir frases, assim!
Não costumo tratar as pessoas por tu, não por mania ou qualquer tipo de "superioridade" e muito menos pela idade, mas porque sempre assim foi. É um hábito. Vou passar a tratar-te por tu, também, porque tu és blogueiro, como eu, e POETA, com todas as letras, e eu escrevo umas palavras, mas não sou escritora, que às vezes, até agradam. Escrevo à minha maneira, como diz a canção, sem erudição e muito tête-à-tête, como se estivesse a falar com os meus botões, assim, ora imagina: descalça, despretensiosa, cabelo meio revolto (às vezes, parece que fica "louco"!), argolas para me "vestirem" e na outra pele, uma camisa branca de homem (comprei uma há dias. E sabes que marca? Triple Marfel. Será assim k se escreve? Fiquei admiradíssima, porque era a marca favorita do meu pai, e eu pensava que já não existia) compridinha, a tapar-me o rabiosque, para me cobrir (alto! Este verbo pode ser mal interpretado), então, para me proteger a segunda pele do frio. Ligeiramente maquilhada, lip gloss (sabes o que é isso? Pela tradução, chegas lá) sem cor, com brilho, muito, e sabor, neste caso, morango et voilà, ela aqui está.

Depois de tanta "palha", não vou hoje comentar o teu poema, porque a imaginação, agora, não quer, nem tem capacidade. Pobrezinha! É da idade!

Estou a fazer um poema, que está a ficar longuíssimo, e não sei como vai ser o seu final, para publicar a 23 ou 24, portanto, dia de consoada. No meu "poema" também falo do Natal com consoada e tudo.

Beijos e resto de boa semana.

Elvira Carvalho disse...

E pode um amor que não é perdição para quem o sente chamar-se de amor?
Um abraço

Marta Vinhais disse...

Um amor perfeito, profundo...num retrato intenso...
Um Feliz Natal...
Obrigada pela visita
Beijos e abraços
Marta

heretico disse...

poema de uma singeleza admirável

cristalino, como água da nascente.

abraço.

Votos de Boas Festas

Vera Lúcia disse...


Uau! Que poema maravilhoso Jaime!
Quanta sensibilidade, beleza e paixão na retratação de uma mulher! O amor é lindo!
Fiquei deveras embevecida.

Por outro lado, tive que sorrir quando você mencionou 'a tendinite do braço cego da lei', pois, automaticamente, virei para olhar uma estatueta da Deusa da Justiça que tenho aqui no meu escritório e meu olhos foram direto para o braço esquerdo dela, suspenso, segurando a balança-rsrs.

Brincadeira à parte, este poema me encantou sobremaneira. Parabéns!

Feliz Natal também para você e familiares e um 2016 rico em inspirações, saúde, paz e felicidade.

Abraço.

Tais Luso disse...

Olá, amigo Jaime! Quanta sensibilidade, quanta paixão nesse belo poema. As Valquírias, de Wagner, belíssima, também adoro os clássicos.
Desejo a você e sua família um ótimo Natal, sem estresse, e com paz e amor. Que 2016 seja um ano lindo, produtivo e com muita saúde e alegria a todos nós, habitantes desse planetinha.
Beijos!

Suzete Brainer disse...

Olá amigo Jaime,

A tua poética tem um encantamento tão raro, profundo
e belo. As palavras voam nesse estado sublime
no toque da realidade...
Grata pela partilha e por cada leitura, Poeta!
Votos de feliz natal!
Abraço de paz.

Daniel Costa disse...

"tela intensa e anjo bom.
És liberdade,
cadeia, és a minha perdição."

Do magnifico poema, destaco os três versos cima eles resumem bem o que o sentir do poeta que nos brinda com uma peça que, além de tudo, emana puro romantismo.
BOAS FESTAS!...
Abraços

saudade disse...

Dei por mim, a imaginar o poema apenas pelo título...
Sabe bem ler poemas assim.... Quem não gosta de ser a perdição de alguém....
Beijo de...
Saudade

Acordar Sonhando . SOL da Esteva disse...

Quando o Amor nos encandeia,
Deixamos de ver ao longe.
Um dia, nos incendeia;
No outro, deixa-nos Monge.

Que tenhas um Santo e Feliz Natal

Abraço
SOL

MARILENE disse...

Uma bendita perdição, tramada com visões e gestos, por sons e perfumes. Poema de grande beleza.

Jaime, desejo-lhe um abençoado Natal, ao lado dos que lhe são queridos. E um 2016 que chegue com as cores da esperança. Abraço.

São disse...

"Passarinhos cantores" adoçam sempre o coração humano ...

Gostei muito do poema.

Desejo alegres Festas, doce Natal e excelente 2016!

Ana Freire disse...

Um poema apaixonante e arrebatador... suave e intenso... fresco como a Primavera... intenso e forte como o Inverno... um enamoramento perfeito, para além do espaço e do tempo... entre o sentimento e a palavra...
A minha rendição, Jaime... perante o seu imenso talento, e alma de poeta!
Extraordinário trabalho! Um dos meus preferidos, por aqui!!!
Aproveito para lhe deixar também, os meus votos, de um Feliz e Santo Natal, pleno de afectos, saúde e paz!
Tudo de bom! A par com um excelente fim de semana... que já se avizinha bem perto...
Abraço!
Ana

Helena disse...

Para quem dançou um tango com a musa, estando certo de que poderia voar, só poderia mesmo ver a pessoa amada como um horizonte, uma cascata, uma tela intensa e um anjo bom... Ao mesmo tempo liberdade e cadeia! Sentimento assim só poderia mesmo ser uma perdição... Dessas que, mesmo sem a intenção, promovem o (re)encontro de si mesmo!
Amigo querido, queria ter um tempo maior para falar sobre teus poemas como eles merecem, com atenção e sensibilidade, mas na época atual o tempo é quase um artigo de luxo para mim (risos).
Que te chegue aquele Natal que será marcado como um dos mais belos da tua vida, e que 2016 seja o teu ano... Aquele da realização dos sonhos que já julgavas perdidos!
Nos sorrisos e nas estrelas, meu querido, um carinho imenso a dizer-te da minha amizade e consideração,
Helena

Pérola disse...

Uma declaração sedutora.

Beijo

Vieira Calado disse...

Como está? hoje Olá, como está?
Hoje vim expressamente para desejar-lhe, e aos seus, uma excelente Quadra Natalícia!

*E poderá ver o meu cinepoema Natal dos sem Abrigo em
http://vieiracaladolivrosvideo.blogspot.com

Um forte abraço!

Magia da Inês disse...

✿゚ه
Muito lírico e romântico!!!
Doce poesia!

Que o nascimento do menino de Belém traga esperança e muitas alegrias para todos nós!

Bom fim de semana com tudo de bom!
Beijinhos.
✿✿˚ه° ·.

Arte & Emoções disse...

O amor ainda é um dos maiores fomentos da nossa existência. O amor é capaz de tudo. Belo poema Jaime.

Abraços, um Feliz Natal e que o Ano Novo seja repleto de amor, saúde, paz e felicidades para ti e para os teus.

Furtado.

Bandys disse...

Amor é presença permitida,
Ausência necessária
E sempre presente,
è a leveza da vida com toda sua
liberdade,
lindo poema.

feliz natal e um ano cheio de paz a cada
dia.
beijos

Andreia Morais disse...

Absolutamente fantástico!

r: Muito obrigada :)
Um ótimo Natal*

VictorNanny disse...

Olá, Jaime!
Esse seu belo poema é o presente antecipado de Natal, que eu li, reli e espero que mantenhas sempre inspirado assim também no próximo ano!
Obrigado pelos poemas que nos enriqueceu neste ano que está acabando!
Muita saúde, paz e alegrias neste Natal e em 2016, amigo!
Abraços!

© Piedade Araújo Sol disse...

uma declaração de amor à sua musa.
singelo e encantador.
muito belo!
saudações poéticas.
Feliz Natal.
beijinho
:)

Pedrasnuas disse...

Antes era a Musa (parte carnal) agora, anjo bom (espírito)

Tudo neste poema me lembra uma jovem , esbelta e formosa,

a divindade mitológica dos rios, dos bosques e dos montes...

UM NATAL EM GRANDE!

Beijinhos, amigo Jaime! :-)

Andre Mansim disse...

Poeta! Mais uma linda poesia!
Percebe-se que você tem um espirito muito apaixonado, e isso reflete nos teus escritos!
Poetas assim estão em extinção!

Grandre abraço e feliz natal!!!!

CÉU disse...

Acredito, piamente, que com todas estas características, qualidades, apenas, a amada seja a perdição de qualquer homem, seja ele ou não poeta.
Ser liberdade e cadeia não são vocábulos antónimos no amor. São complementos.

Bom domingo!

DESEJOS DE FELIZ NATAL E EXCELENTE ANO NOVO.

Beijo.

manuela barroso disse...

Longe dos caminhos que já conhecia, perdi-me nos atalhos e tão longe eu ia. Mas voltei porque tinha que ouvir esta poesia. E misturei primaveras com cânticos de Natal.
E que ele seja FELIZ, Jaime!
Beijinho

Paulo Silva disse...

Maravilhosa declaração! Maravilhosa poesia, maravilhosas palavras!

Um Feliz Natal Jaime, recheado com muita alegria, positivismo, sonhos, de coração cheio e olhares cruzados com todos aqueles que lhe preenchem a vida!

Abraço.

AC disse...

A inspiração assentou arraiais por aí, Jaime.

Feliz Natal!

Pedro Luso disse...

Caro Jaime,
Gostei meuito do seu "És a minha perdição", um belo poema. Parabéns.
Aproveito o ensejo para desejar a você e a seus familiares um feliz Natal e um ano de 2016 com boas realizações, com paz e com saúde.
Um abraço.

Magda Carvalho disse...

Que belas palavras de amor.
http://retromaggie.blogspot.pt/

Majo disse...

~~~
~~~~ Um espanto, Jaime!

~~~ Perdição ou devoção?

~~ Ambas, com toda a certeza.

~ Fico-te grata pela lembrança

~ desta belíssima poesia lírica,

uma espetacular oferta natalina.


Dias amorosos, bravo guerreiro!
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Marineide Dan Ribeiro disse...

Passando pra te desejar um feliz natal e um ano novo cheio de saúde, paz, e realizações!

Um abraço da Marineide,
http://marciagrega.blogspot.com.br/2015/12/de-que-maneira-voce-colabora-com.html

Vieira Calado disse...

Olá, boa noite, meu caro!
Também venho desejar-lhe, e aos seus, uma Excelente Quadra Natalícia!

Forte abraço!

rosa-branca disse...

Amigo Jaime, que bom ser a perdição de alguém...maravilhoso poema (tão teu) que amei demais. Boa semana e desejo-te um natal muito feliz junto de todos os teus entes queridos. Beijos com carinho

M. disse...

Não falta beleza a este poema!
Um muito feliz e santo Natal com muita saúde, paz e alegria!
Beijinhos

Graça Pires disse...

Um poema cheio de ritmo e muito musical. Gostei muito.
Desejo um Natal cheio de conforto e um Ano Novo com muita Saúde, Paz e Amor.
Um beijo.

Cristina Sousa disse...

Uma declaração de amor... adorei!!!

Desejo de um Feliz Natal, para ti e familia.

Beijo

Clau disse...

Olá Jaime,
Mais uma bonita, apaixonante e encantadora poesia, que tenho o prazer de ler :)
Parabéns pela inspiração e sensibilidade...
Que o espírito natalino traga aos nossos corações a fé inabalável dos que acreditam em um novo tempo de paz.
Boas Festas e um excelente 2016. \o/

Jossara Bes disse...

Oi, Jaime!
Obrigado por comentar no meu blog!
Suas poesias são inspiradoras!
Preciosas!
Feliz Natal e Ano Novo!

Maria Rodrigues disse...

Como é bom nos perdermos por amor, lindo poema.
Aproveito para desejar um Feliz Natal e um Novo Ano pleno de alegrias, saúde, amor, paz e harmonia.
Um grande abraço
Maria

Suzane Weck disse...

Ola caro amigo,parabéns pela belíssima poesia,e aproveito para desejar-te um Natal muito Feliz e que o Ano-Novo desponte com muitaaaaaaa Felicidade.Grande abraço.SU

Sissym Mascarenhas disse...



Estimado Jaime,
Fiquei muito honrada com sua visita.
No Blogzoom voce encontra minha poesias e poemas.
No Masquerade estão textos espiritualizados.

Boas Festas.

Anderson Lopes disse...

Bom é se perder por amor demais!!
Abraço, Jaime!

Crista disse...

Tudo muito lindo!!!!
Bem vindo em meu blog e em meu coração.
Que teu Natal e Ano Novo sejam tão maravilhosos como tu e tua poesia o são.

Brisa disse...

Que linda declaração de amor...

Desejo-te um ótimo FELIZ NATAL na companhia de quem mais amas...
Beijinho em teu coração

ONG ALERTA disse...

Um feliz natal e 2016 de sucesso abraço Lisette.

Lady Viana disse...

Bravo, meu amigo Jaime! Lindo poema, cada verso mais surpreendente que o outro... Andar de cotovia cantora, voz de menina, pele salpicada de inocência, ópera romântica de Wagner. Você tem toda razão, sua musa é mesmo a sua perdição! Belíssimo.
Muito feliz com meu retorno ao blog, agora já renasci amigo, como havia dito, então vim, conferir seus lindos poemas, parabéns como sempre.
Um feliz natal e maravilho ano novo, beijo doce.

Jaime Latino Ferreira disse...

JAIME PORTELA


Caríssimo,

Por este meio Lhe retribuo as Boas Festas e o recíproco prazer em O conhecer.

Saudações muito cordiais


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 23 de Dezembro de 2015

GarçaReal disse...

Simplesmente belo e profundo este poema.

Assim vale a pena versejar.

Um Feliz Natal com , paz e harmonia

Bjgrande do lago

A Casa Madeira disse...

Oi Jaime passando para te desejar boas festas!
E até o ano que vem.
Mais um belo poema.
Abraços
janicce.

Leonor C.. disse...

Obrigada pelo comentário deixado no meu blogue HOJE E AMANHÃ.
Também gosto da sua poesia.

Saudações

Leonor

Ana Tapadas disse...

O Amor tudo transfigura...

Boas Festas, meu amigo.

Beijo

Lilá(s) disse...

Venho desejar um FELIZ NATAL e um 2016, pleno de paz, saúde e amor.
Bjs

tulipa disse...


Olá Jaime

Agradeço e retribuo os votos de um Santo e Feliz Natal para si e toda a família.

Para mim, não é bem todo o mês de Dezembro,
mas... tal como acabei de descrever no post que fiz HOJE
toca-me particularmente, por aquilo que presenciei a minha menina Tânia
a sofrer e a ser abandonada por profissionais de saúde,
a 2 dias do Natal.
Haja mais humanidade no coração das pessoas!
...
Também pelas ausências, dos que já se foram...
e... fizeram parte dos meus MELHORES NATAIS
principalmente na Infância e na adolescência.

Beijinho

Lune Fragmentos da noite com flores disse...

Lindo poema para celebrar o amor.

Feliz Natal!
Abraço

Mirtes Stolze. disse...

Boa noite Jaime.
Feliz Natal. Lindíssimo poema. Beijos.

Zilani Célia disse...

OI JAIME!
PASSANDO HOJE PARA TE DEIXAR MEU ABRAÇO DE UM ANO NOVO DE MUITA PAZ E LUZ, SEMPRE TE PARABENIZANDO PELA BELEZA DA OBRA.
ABRÇS
-
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Lu Nogfer disse...

Que lindo Jaime parabens poeta!
Feliz natal e um novo ano repleto de felicidades a você e todos os seus.
Abraços de paz.

Megan Smith disse...

Belíssimo poema :)

© Piedade Araújo Sol disse...

JP
muito obrigada pelas visitas e comentários ao longo do ano.
desejo um bom ano de 2016.
um beijo
:)

Louraini Christmann - Lola disse...

"...tens a robustez do chão
e a brandura das searas..."

Maravilhosa poesia!

FELIZ ANO DE 2016!

Bandys disse...

Nunca permita que alguém corte suas asas, estreite seus horizontes e tire as estrelas do teu céu. Nunca deixe seus medos serem maiores que a tua vontade de voar. O valor da vida está nos sonhos que lutamos para conquistar.
Que o novo ano nasça desenhando, bordando e realizando nossos desejos, aventuras e claro nossos sonhos.
Que chegue novinho, recheado de calor, enfeitado de flor e com nuvens de amor.
Um ano novinho em folha. Um ano abençoado!

helia disse...

Uma Poesia muito bonita !
Feliz Ano 2016 com muita Paz , Harmonia e muita Poesia !

Labirinto de Emoções disse...

Olá Jaime
Espero que tenhas tido um Natal cheio de Luz, Paz e Amor.
Que 2016 te traga o que houver de melhor para ti e todos os teus..:-))
Um beijinho grande e Feliz Ano Novo.
Teresa

Fá menor disse...

Que as telas das nossas vidas sejam sempre pintadas de e por anjos bons.
Um óptimo 2016, meu amigo!
Bjs

Existe Sempre Um Lugar disse...

A melhor saída é seguir em frente com motivação.
Feliz Ano Novo
AG

Jaime Portela disse...

Caros amigos
Obrigado pelos vossos comentários. Voltem sempre.
Entretanto, acabei de publicar novo poema. Espero que gostem.
Continuação de boa semana para todos.
E um FELIZ ANO NOVO, extensivo aos que vos são mais queridos.
Saudações poéticas.

Odete Ferreira disse...

A intensidade do sentimento mais aprisiona.
Gostei imenso, amigo.
:)

Pedrasnuas disse...

Venho retribuir a generosa mensagem de Fim de Ano! Foi uma boa convivência, sim; que já vem de longa data! Troca de comentários e de certa forma, afecto virtual e enriquecimento literário. Foi sempre um prazer! FELIZ ANO apesar das contingências ....e os votos estendem-se à Família e todos os que são próximos!

Beijinhos coerentes, como de resto não podia deixar de ser...
PN

Agostinho disse...

O poeta põe a menina nas palminhas.
Uma canção cheia de ritmo como a "catraia" do desejo.
Parabéns.