Translate

quinta-feira, 7 de julho de 2016

O oposto do sol-posto


Respiro o mar das vontades
que ondulam nos teus olhos,
engalanados com o brilho
refletido pela avenida apinhada
dos nossos andores acesos de fogo,
cortejo de um Maio florido
a celebrar o fim do teu Inverno,
a avolumar-se das andorinhas
que há tanto tempo aguardavas.
 
Na crista dessas ondas,
onde o amor com hélices impulsiona
barcarolas atulhadas de certezas,
preservo as tuas palavras
até aos sons derradeiros
no sacrário das minhas memórias,
para beijar a tua boca
sempre que o vácuo da distância
impeça que os teus lábios
se propaguem vivos até mim.
 
Mas é no teu corpo
que percebo o oposto do sol-posto,
que encontro o cálice
donde bebo as estrelas do teu gosto.
 
Jaime Portela

53 comentários:

Karocha disse...

Que beleza Jaime

Bjocas

Bfs

Marta Vinhais disse...

Mais um poema de ar... Em todas as memórias ficam gravadas no Sol Nascente, na Lua Brilhante....
Adorei...
Obrigada pela visita
Beijos e abraços
Marta

CÉU disse...

Nada melhore k um corpo, que seja o oposto ao ocaso. Beijo, Jaime...

Cidália Ferreira disse...

Excelente o seu poema, tendo remate final a ultima estrofe que termina com chave de ouro.Parabéns!

Beijo

Brisa disse...

Pois é meu amigo Jaime
Fiquei de boca semiaberta a respirar as tuas palavras... e,não encontrei as minhas,pois elas pairam no azul da maresia deslumbrante...
Belíssimo...
Bjo e desejo-te um bom final de semana

Arco-Íris de Frida disse...

Um poema maravilhosamente belo... nao precisa dizer mais nada...

Beijos...

Teresa Silva disse...

Divino!

Bjxxx
A Pequena Boneca de Trapos | Facebook | Instagram

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Olá Jaime,fica difícil comentar um poema tão tocante.
Você fala de amor com muita sensualidade e delicadeza em cada palavra.
Adorei a última estrofe e como diz nossa amiga Cidália,fechou com chave de ouro.
Parabéns.
Bjs,obrigada pela visita e um ótimo final de semana.
Carmen Lúcia.

Natalia Canais Nuno disse...

Muito belo esrito com os dedos da alma! Foi um bom momento, um prazer enorme a leitura, obrigado.

natalia nuno

Odete Ferreira disse...

Em cada parte, o encanto. No corpo, o desejo é sol que nunca se põe.
Mais um belo poema, Jaime|
Bjo :)

José Carlos Sant Anna disse...

Lá se vão os amantes nas "barcarolas atulhadas de certezas". Tais "certezas" renderão mais do que imaginamos...
Outro belo poema nas ondas desse mar...
Forte abraço, poeta!

lua singular disse...

Mama mia
Que sofreguidão, estamos todos apaixonados???
Adorei. Você é ótimo poeta.
Parabéns
Beijos
Lua Singular

graça Alves disse...

Interessante...
bj

Rui Pires - Olhar d'Ouro disse...

Poema encantador!
Um grande abraço e bom fim de semana!

Aninha Ferreira disse...

amei essa ultima quadra

Emília Pinto disse...

O por do sol é lindo e tanto que faz os poetas cantá-lo sempre de um modo fantastico. E a beleza tamanha que o querem sempre junto ao amor que inspira belos poemas, mas... o nascer do sol é brilhante, merecedor de boa poesia; afinal significa o começo de um novo dia, sinal de que ainda estamos cá para , quem sabe, voltarmos a apreciar mais um sol posto. E, como não há certezas, podemos somente ter esperança de que, depois do nascer, logo, logo teremos mais um belo por do sol e dele poderemos tentar fazer pelo menos um versinho. Tu farás com certeza mais um belo poema, seja com o sol a por-se, o sol a nascer, ou até com o breu da noite; amor haverá sempre e não faltarão musas inspiradoras; é só querer e a poesia saírá. Parabéns e um bom fim de semana. Beijinhos
Emilia

Magia da Inês disse...

♩♫╮
O que está na alma escorre em cada verso... sensibilidade e inspiração.

Bom fim de semana!
Beijinhos.
°.♪♫╮

tulipa disse...


Olá Jaime

vim visitá-lo fim de semana passado, não sei se deu pela minha presença.

Gostei muito de:
Mas é no teu corpo
que percebo o oposto do sol-posto,
que encontro o cálice
donde bebo as estrelas do teu gosto

O pôr do sol é lindo
mas ... o nascer do sol não é menos belo
custa mais ...a sair da cama cedo
mas
fiz essa aventura a semana passada e
estou super feliz com o resultado.

é ... sempre o começo de um novo dia!

Parabéns!

Bom fim de semana. Beijinhos

Muito obrigado por teres ido comentar
os meus 2 blogues
onde fiz 2 posts novos

Tens razão - Viana do Castelo é LINDA.

tulipa disse...


Olá Jaime

vim visitá-lo fim de semana passado, não sei se deu pela minha presença.

Gostei muito de:
Mas é no teu corpo
que percebo o oposto do sol-posto,
que encontro o cálice
donde bebo as estrelas do teu gosto

O pôr do sol é lindo
mas ... o nascer do sol não é menos belo
custa mais ...a sair da cama cedo
mas
fiz essa aventura a semana passada e
estou super feliz com o resultado.

é ... sempre o começo de um novo dia!

Parabéns!

Bom fim de semana. Beijinhos

Muito obrigado por teres ido comentar
os meus 2 blogues
onde fiz 2 posts novos

Tens razão - Viana do Castelo é LINDA.

Aline Goulart disse...

Muito bonito, Jaime! Encontrar no outro o que admirar e amar. A tua inspiração é fascinante. Beijinhos.

Machado De Carlos disse...

Belos versos, querido amigo. "O corpo, em fogo, que navega nas ondas que são eternas!" Abraços...

Machado De Carlos disse...

Belíssimo! "Na simplicidade do coração a vida segue na melhor coloração! " Beijos, querida amiga!

Edumanes disse...

O oposto do sol-posto,
será, pois, o nascer do sol
não consegue por ser vagaroso
fugir do monstro, o caracol,
gostei desse poema fabuloso!

Boa noite e bom domingo.

Arione Torres disse...

Oi amigo Jaime, vim lhe desejar um ótimo final de semana,abraços e fique com Deus!!!

Isa Martins disse...

Oi Jaime, confesso que em alguns poemas, de tão lindos e profundos fico sem palavras pra comentar, acho que elas ficam no sacrário dos meus sentimentos rs
Celebro com admiração os poetas que escrevem nesse estilo, confesso que não sei fazê-lo, mas gosto muito.
Um abençoado fim de semana amigo, beijos!

Pedrasnuas disse...

Uma verdadeira ode, épico ... talvez seja a tua cidade, julgo eu! Não sei!

Sempre digno de uma vénia!

Amigo JP, bom domingo...e já agora, mais logo, que Portugal vença, apesar de não nutrir nenhuma afeição pelo universo futebolístico!

Beijo

Majo Dutra disse...

~~~
Está belíssimo, Jaime, belíssimo.
Um dos teus melhores hinos à paixão.
Possuis portentoso talento
e uma excelente inspiração.
Beijo, amigo.

Ps
- Tenho no meu 'post', Pablo Neruda.
Vais gostar.

Andreia Morais disse...

Sempre fascinante!

r: É mesmo.
Obrigada e igualmente*

© Piedade Araújo Sol disse...

JP

um poema cheio de sensibilidade, paixão e sensualismo.

bendita musa.

uma boa semana.

beijinho

:)

lua singular disse...

Oi Jaime
Estou triste, pois terminou o fim de semana. Buau!
Beijos
Lua Singular

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Suzete Brainer disse...

As metáforas deste teu grandioso poema nos
captura com o encantamento da imensa beleza lírica.
Parabéns pelo poema, caro Poeta!
Boa semana, amigo!
Beijo.

A Casa Madeira disse...

Gostei do: Respiro o mar das vontades;
Continuação de boa semana.

Acordar Sonhando . SOL da Esteva disse...

Bem sabes da frescura que deixas no Amor revelado. Maravilha de Poema.

Abraço
SOL

rosa-branca disse...

Maravilhoso poema que amei demais. Jaime, tem uma boa semana e beijos com carinho

Zilani Célia disse...

OI JAIME!
BELEZA, LIRISMO E SENSUALIDADE, É O QUE ME VEM PARA DIZER DE TEU TEXTO. O ACHEI EMOCIONANTE.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Arte & Emoçoes disse...

Oi Jaime! belo e muito profundo o teu poema.

Abraços e uma ótima semana para ti e para os teus.

Furtado

Teresa Isabel Silva disse...

Bebo as tuas palavras meu caro amigo!

Bjxxx
Ontem é só Memória | Facebook | Instagram

Graça Pires disse...

Um poema de paixão, em que se canta uma entrega total. As palavras, aqui, são de uma enorme exaltação à face sensual do amor. Parabéns, Jaime.
Um beijo.

Mariangela do lago vieira disse...

Oi Jaime!
Que poema belo demais... Escrito com a alma!
O amor merece!Parabéns!
Abraços,
Mariangela

Ana Tapadas disse...

Cada vez mais belos os poemas!

Beijinho

Minhas Pinturas disse...

Jaime amo suas metáforas, me encantam seus versos, é tudo lindo não tenho mais palavras, você já gastou todas.
bjs. Léah

Mariazita disse...

Um óptimo jogo de palavras que resultam num belo poema.
Gostei, Jaime. Quero mais...
Continuação de boa semana.
Beijinhos
MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS


Fá menor disse...

Depois de o sol se pôr, há sempre um novo nascer...

Beijinhos, meu amigo!

Fê blue bird disse...


Jaime, cada verso seu é um hino ao amor.
Este é um dos seus mais belos.

Não consigo comentar à altura das suas palavras.
beijinho grato

Cláudia Forte disse...

olá, boa noite querido amigo! vim deliciar-me com as suas palavras, quanto amor! te desejo um restinho de semana regadinho de muitas alegrias!!! beijo imenso:)

Jaime Portela disse...

============================================================

Caros amigos
Obrigado pelos vossos comentários. Voltem sempre.
Entretanto, acabei de publicar novo poema. Espero que gostem.
Continuação de boa semana para todos.
Saudações poéticas.

============================================================

Ana Freire disse...

Apenas um grande amor nos permite carregar no peito... o oposto do sol-posto... seja de dia ou de noite... permanentemente...
Mais um trabalho lindíssimo, Jaime... nunca eu sabendo distinguir, se se trata de um poema em forma de declaração de amor... ou de uma declaração de amor em forma de poema... mas sempre de leitura arrebatadora, e fascinante!
Beijinho! Continuação de uma excelente semana!
Ana

Agostinho disse...

Entre um e outro (admito dois astros o sol masculino e a lua feminina), face a face, o posto e o oposto há um meridiano de convergência.Com a marca habitual de Jaime Portela.
Abraço.

lua singular disse...

Jaime, eu não consigo entrar em
Arte & Emoções, será que é meu blog?
Beijos
Lua Singular

Felix carrier cartier disse...

Anna de poemias me paso tu blog pasare mas veces por aqui
http://anna-historias.blogspot.com.es/2016/08/los-pasos.html?m=1.
Besos