Translater

quinta-feira, 26 de março de 2020

Gostava de fugir de ti [269]



Gostava de fugir de ti,
mas sou jóquei sem chicote
a deliciar-se nas tranças das tuas carícias
de amazona sem rédeas.
Deste tempo de esporas,
aferroado pelo galope da ideia desgovernada
no arco dos sentidos,
sou um coxo sem estribo
a desviar-me dos teus arroubos em flecha.
Sem trote, sucumbo aos teus
empolgados assaltos e morro
[com o freio nos dentes]
à boca da ternura virgem
desenfreada pelo teu corpo de Diana,
certo que vou renascer corcel resoluto
a cavalo da razão apeada.
Gostava de fugir de ti, do teu arco,
mas vou cortar as peias que me tolhem
e consagrar-me, devoto,
à jarra de cristal oculta
que guardas no templo da tua pele impoluta.


30 comentários:

Jornalista Douglas Melo disse...

Entre a deusa romana da caça e da Lua, a bela “Diana”, (“Ártemis” na mitologia grega), filha de “Júpiter e Latona”, irmã gêmea de “Apolo”... Mesmo com tanta magia mitológica, ainda assim, eu ficaria com “Lady Godiva”, uma aristocrata anglo-saxã, esposa do “Duque da Mércia - Leofrico”.
Mas, Porque preferir “Godiva”, preterindo o amor de “Diana?”... Simples, “Lady Godiva” é real e ficou famosa por cavalgavar nua pelas ruas de “Coventry, na Inglaterra”.
Assim sendo, meu bom amigo, da “Godiva”, tu não precisarás “fugir de seu arco e muito menos, quebrar à jarra de cristal oculta, que guardas no templo da tua pele impoluta”.

Mais uma bela composição tua, caríssimo Jaime!
Um abraço e muita saúde para todos nós!!!

lua singular disse...

Oi Jaime
Uma aula de mitologia
Você desliza seus dedos no teclado e vai saindo maravilhas
Que a gente nunca se perca, Quantos ficaram pra trás.
Beijos no coração
Lua Singular

Elvira Carvalho disse...

Uau! Até fiquei sem palavras. Belíssimo poema.
Abraço e saúde

Karocha disse...

Lindo Jaime

Bjs

Bfs

Sandra May disse...

Que alegria nesses tempos de reclusão poder receber visita! Meu companheiro chico, está muito mimado mesmo, mas é que fui conceber esse filho qual Sara, na velhice rss! Logo, em gratidão a tão carinhosa companhia, enchi-o de mimos.
A sua poesia é rica e me faz lembrar um bordado muito bonito e com nuances que vão do mais claro cor de rosa ao profundo púrpura.
Lindo e sensual!
Abraços, e cuide-se bem!

Andreia Morais disse...

Gostei muito do poema, Jaime!

Continuação de boa semana

Canto da Boca disse...

Eita!

Um desses poemas que se lê de uma vez só, sem pausa, sem vírgula ou respiro, mas no final é um suspiro retumbante que dá vida ao mundo!

Belo poema.

Abraço.

:)

betonicou disse...

Olá, caro e grande poeta Jaime. Outro belíssimo poema vinda de um inspiração sublime.Neste invocaste Diana e, a imagino, tão bela e pura, a cavalgar num alazão alado pelas nuvens de roma. Fico sempre admirado com tua bela e complexa escrita. Um grande abraço. Saúde e paz!

A Casa Madeira disse...

Muito bonito.
Abraços.

Ricardo Valério disse...

Não conheço outro blogue em que o POETA entrelaça as palavras, feitas versos, tão brilhantemente como aqui

O amigo Jaime Portela, não é só um POETA brilhante, como é também, um trovador que faz dos seus trocadilhos, verdadeiros tributos à arte de bem navegar através da essência poética.

Uma maravilha ler o que escreve. Me rendo... fazendo do meu silêncio, a justiça maior, perante este - entre outros - sublime poema

Um abraço virtrual

Megy Maia disse...

Que o amor seja mais tocável.
Do que somente inspiração.
E torcendo sempre no bordado de dois corpos entrelaçados.
Num tempo infinito.
Um abraço colorido.
Megy Maia🌈

Cidália Ferreira disse...

Mais um poema fantástico...Aliás, como sempre! :)

Beijos. Boa noite!

Pedro Coimbra disse...

Estamos todos aprisionados.
Neste caso pelas suas palavras.
Aquele abraço, bfds

Marta Vinhais disse...

A entrega completa ao amor...
Como sempre, brilhante....
Obrigada pela visita
Beijos e abraços
Marta

Graça Pires disse...

Um poema de amor que nos transporta para a mitologia, onde te tornas personagem do enredo. Gostei muito.
Um bom fim de semana. Muita saúde.
Um beijo.

Os olhares da Gracinha! disse...

Palavras que na poesia se transformam e nos fazem ler com admiração!!! Bj

A Paixão da Isa disse...

fugir gostavamos todos do que estamos a passar neste momento parabens por mais um lindo poema bjs mta saude

Maria Rodrigues disse...

Para quê fugir, quando se ama assim tão intensamente.
Um poema sublime!
Fique bem e com saúde.
Beijinhos

Pedrasnuas disse...

Então... foge!

Erotismo num calíce de champanhe! Por aqui, a poesia dá cartas num jogo belíssimo de metáforas, muito aprimoradas! Parabéns por este magnífico quadro!

Resguarda-te, tu também! Estamos num tempo muito estranho...

JP, bom fim de semana.

Beijo

Magui disse...

Não podemos fugir ao nosso destino.
Beijo.
Fique bem

Fá menor disse...

Quem dera fugir, desviar das investidas de uma flecha que nos foi apontada!
Salve-se quem puder!

Belos trocadilhos e entrelaçados!

Bom fim-de-semana, amigo Jaime!
Preserve-se!
Beijinhos.

Giancarlo disse...

Sereno e felice fine settimana.

Gabriel disse...

"em trote, sucumbo aos teus
empolgados assaltos e morro
[com o freio nos dentes]
à boca da ternura virgem
desenfreada pelo teu corpo de Diana,"

esses versos tão vivos que quase os senti mordê-los...
que versos meu amigo...

yonosoymillenium disse...

que maravilla, sigue así, un abrazo

Isa Sá disse...

A passar por cá para desejar bom fim de semana...de preferência em casa!

Isabel Sá  
Brilhos da Moda

SOL da Esteva disse...

Excelente Poema muito bem delineado!
Gostei muito.
Parabéns.


Abraço
SOL

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Mais um belo poema amigo Jaime de que gostei.
Um abraço e bom fim-de-semana.

Andarilhar
Dedais de Francisco e Idalisa
Livros-Autografados

Manuel Veiga disse...

excelente poema, caro Jaime Portela
admirável talento teu
forte abraço

tulipa disse...


OLÁ JAIME
quanta inspiração:
Gostava de fugir de ti,
a deliciar-me
nas tranças das tuas carícias

PARABÉNS

Então, como vai a tua vida, neste período de isolamento?
Tudo bem?

Dor, angústia, sofrimento
Neste período de isolamento
Só sei que neste momento
Queria ver pessoas mais responsáveis
cumprir as ordens do governo
para mais rápido
sairmos do estado de alerta

Ainda hoje fiz um post sobre a atitude de certas pessoas
fico revoltada com o que vejo acontecer todos os dias.

Agradeço tua visita e carinho
Grande abraço
da Tulipa

http://pensamentosimagens.blogspot.com/  

http://meusmomentosimples.blogspot.com/ 

Isamar disse...

Olá Jaime,
Fico sempre deliciada com as suas palavras tão elegantes, ternas e românticas.
Lindíssimo poema, muito prazeroso de ler!
Fique em segurança.
Beijinhos