Translater

quinta-feira, 21 de maio de 2020

Vistam-se do presente [278]



Vistam-se do presente
em brisas de carinhos, serenos,
semeando gestos a concertar o futuro.
Aguardem, calmamente,
que desabroche o que plantaram
na mira da Primavera do sonho.
Do chão, colham o fogo
e a luz, renascidos,
com a loucura sadia a nutrir-se
no sofá vermelho dos sentidos.
Amigos, omitam o ferro e a ferida.
Sejam luz dentro da luz,
um clarão onde não há o ontem.
Nem o depois. Só o agora.


42 comentários:

Isamar disse...

Olá Jaime,
Que sejamos, como diz, luz dentro da luz.
Sábias palavras que nos fazem reflectir bastante.
Como sempre, amei este seu poema.
Fique bem, beijinhos!

betonicou disse...

Bom dia , Jaime. Lendo seu belo poema nessa manhãzinha de quinta, sinto-me encorajado e com a alma afagada. Obrigado! Grande abraço.

Andreia e Jéssica disse...

Um ótimo poema
Beijinhos 😊 , Damsel.me-Clique Aqui

A Paixão da Isa disse...

o presente e o fruta nao sabemos ainda pois nao esta a ser facil mas vamos dar a volta adorei o poema bjs

chica disse...

Muito lindo e sábio recado em teus versos! abraços, lindo dia! chica

Elvira Carvalho disse...

Depois de ler e reler o seu poema só me surge uma palavra. Amém.
Abraço e saúde

" R y k @ r d o " disse...

Que a luz da fé e da esperança fixe residência dentro de todo o coração humano deste mundo
Gostei demais do poema... como sempre.
.
Cumprimentos poéticos

Os olhares da Gracinha! disse...

Só o agora!!!
Isso mesmo pois é o mais importante!!!
Bj

Andreia Morais disse...

Viver o agora, sempre, porque é o único espaço temporal em que podemos fazer a diferença!
Mais um poema maravilhoso :)

Teresa Almeida disse...

Sim
Só o agora.
Não pode ser de outra maneira ou a vida não tem sabor.
Gostei muito.

😘 amigo Jaime.

Cidália Ferreira disse...

Mais um poema excelente! Adorei :)

-
"Nasceu uma estrela" Brinde-se 🎂🥂

Beijinhos e um dia muito feliz!

© Piedade Araújo Sol disse...

JP

Sabe bem ler este poema que nos acalma e seduz.
Sim, saio daqui com a alma apaziguada.
Saúde e beijinhos
:)
http://olharemtonsdemaresia.blogspot.com/

Sandra May disse...

Seu poema me enche de esperança. Tomara que aprendamos a fazer uma boa semeadura neste presente tão sofrido, com tantas perdas...quem sabe tenhamos (nossa descendencia) um futuro melhor, porque, bom, como um todo não tem sido, desde que Adão deixou o paraíso.
Independente do estilo e tema, seus poemas são sempre muito agradáveis de ler.
Um forte abraço, cuide-se!

Ailime disse...

Desfrutar o presente com esperança no futuro.
Magnífico poema, Jaime.
Um beijinho e um resto de boa semana.
Ailime

Canto da Boca disse...


Viver o hoje, como sempre e desde sempre, é só o que temos.
Mas na ânsia de tantos amanhãs, que nem sabemos se chegarão, vamos protelando o desabrochar do momento.

Poema cheio de sentidos e metáforas.

:)

Ygraine disse...

Oh Jaime...I can't even begin to tell you how much this beautiful poem has lifted my spirits today...I now feel connected to the present...with renewed hope for the future!😊😊
Yes, truly magnificent...

Have a great weekend...and stay safe.

Kisses xxx

Diná Fernandes disse...

"Omitam o ferro e a ferida, sejam luz dentro da luz"
Frase de impacto bem oportuna e necessária, é preciso que tenhamos mais mansidão e amor. Grande postado amigo Jaime! Gostei muito!


Niver da amiga Cidália, psse lá se puder.
https://celebrandosuavida.blogspot.com/2020/05/hoje-festa-e-da-amiga-cidalia-venham.html
Abração!

Roselia Bezerra disse...

Boa noite de paz e esperança, Jaime!
Excelente mensagem poética.
Viver o presente e encher a humanidade de luz que recebemos da Luz.
Maravilhoso ter passado aqui agora, fortalecida saio. Obrigada.
Tenha dias abençoados!
Abraços fraternos de paz e bem

Manuel Veiga disse...

sabedoria e talento em alta !
gostei muito do poema.

forte abraço

Pedro Luso de Carvalho disse...

Amigo Jaime este seu poema leva-nos à reflexão sobre a pouca importância do passado e do possível futuro, pois há que se ter os pés no chão do presente que vivemos.

Não preciso dizer ao poeta que o poema solto é de que o pega e, com essa posse detém todas as possíveis (ou impossíveis) para guardá-lo nesta ou naquela gaveta da escrivaninha. Gostei muito do poema.

Grande abraço caro Jaime.

lua singular disse...

Oi amigo,
Que lindo poema! O que falar dele? Perfeito
Adoro os seus escritos
Beijos no coração
Lua Singular

Pedro Coimbra disse...

Lá vou eu acrescentar uma frase ao título - e sonhem com o futuro.
Aquele abraço, bfds

lua singular disse...

Oi Jaime,
Eu estive doente, ainda estou em recuperação
Sabe que adoro suas poesias.
Beijos no coração
Lua Singular

Pedrasnuas disse...

A esperança em flor! Parabéns, por esta Primavera de sonho!

Jaime, deixo aqui, uma flor para ti.

Para aromatizar o ar.

Marta Vinhais disse...

Viver o presente com luz, com esperança....
Uma mensagem de amor....
Obrigada pela visita
Beijos e abraços
Marta

yonosoymillenium disse...

un poema excelente, tienes mucho talento

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Excelente e belo poema.
Um abraço e bom fim-de-semana.

Andarilhar
Dedais de Francisco e Idalisa
O prazer dos livros

Dalva Rodrigues disse...

Oi Jaime, mais belíssimo e inspirador poema!
concordo que estar no presente se faz mais necessário, ele tem estado tão cheio de escuridão que é preciso MUITA luz mesmo para plantar o futuro, apesar do ferro e das feridas que causam no momento atual. Todo foco na luz.
Bom final de semana e obrigada pela releitura, abraço!

Fá menor disse...

Muito bom!

'Omitir o ferro e a ferida.
Ser luz dentro da luz'
Eis bons conselhos a reter e seguir!

Bom fim-de-semana, amigo Jaime!

Beijinhos.

Majo Dutra disse...

Crepe Diem...
Um poema magnífico, Jaime-
Tudo pelo melhor.
Beijinho
~~~~

Ana Bailune disse...

Só o agora, pois ele tudo que temos!
Belíssimo, Jayme!

Giancarlo disse...

Buon fine settimana.

Luísa Fernandes disse...

Olá amigo Jaime!
Um belíssimo e excelente poema.

Amigos, omitam o ferro e a ferida.
Sejam luz dentro da luz,
um clarão onde não há o ontem.
Nem o depois. Só o agora.

E nada melhor que isso, para alegrar o dia.
Gostei muitíssimo de ler.
Beijinho Jaime e bom fim de semana.
Luisa

SOL da Esteva disse...

"[...] Sejam luz dentro da luz,
um clarão onde não há o ontem.[...]"
Sublime! Olhar o futuro como tal e caminhar o caminho que está diante dos olhos.
Lindo! Parabéns.


Abraço
SOL

tulipa disse...

OLÁ JAIME

HUMMMM...tanta falta tenho de
brisas de carinhos, serenos

Parabéns
obrigada pela partilha.

Por aqui
http://pensamentosimagens.blogspot.com/ 

http://momentos-perfeitos.blogspot.com/ 

Cuide-se
bom fim de semana

Ana Freire disse...

No momento, em que o presente se sente tão estranho a nós... devemo-nos lembrar que apesar de tudo... é ele que nos encaminha para o futuro...
Um poema verdadeiramente inspirador... e muito lúcido, na perfeita leitura que nos faz, deste improvável (até há uns meses atrás) presente de agora...
Beijinhos! Bom domingo, Jaime!
Ana

Amélia disse...

Poema lindo! Perfeito. Adorei.
Abraço, boa semana

StyleOfLife disse...

great and nice post :) I follow you # 318 , follow back?

https://styleoflifet.blogspot.com/

Emília Pinto disse...

Viver o " agora " sempre foi o indicado, embora, involutariamente ou não, estejamos sempre preocupados com o futuro e, por ele, ou, antes, dando - o como desculpa, corremos em demasia para termos cada vez mais. E, neste agora, de grande angústia, de grande preocupação e de tempo de sobra, temos a obrigação de aprender que não vale a pena correr tanto, porque, de um momento para o outdo as coisas mudam e, obrigatoriamente paramos. Mas, Jaime, às vezes faz falta que pensemos no futuro, porque, se o tivermos, há necessidade de ter meios para o enfrentarmos. O que tem de haver é um equilibrio e termos sempre a sensatez suficiente para saber que há limites para tudo, há responsabilidade perante os outros e que não vale tudo para atingirmos os nossos fins. É bom que saibamos ser luz para os outros e que, com estas cautelas, não percamos o hábito de manifestar os nossos afectos tão importantes para a nosso bem-estar. Amigo, como sempre um belo poema, assim como os outros que ainda não tinha lido. Fica bem, com SAÚDE pata ti e todos os que te rodeiam. Um beijinho
Emilia

Graça Pires disse...

Ser luz dentro da luz. Pode ser um lema de vida… Muito belo, o poema, Jaime.
Uma boa semana com muita saúde.
Um beijo.

Mariazita disse...

Só o presente interessa, ainda que o passado não deva ser esquecido, até porque ele é a base do futuro.
O presente merece ser vivido com muita Luz nos corações.
O teu poema é uma verdadeira oração, que eu rezo contigo, meu querido amigo Jaime.

PS – Obrigada pela explicação que me deste. Estava intrigada… fiquei esclarecida.

Desejo uma semana feliz
Beijinhos
MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

saudade disse...

Como deixar o presente, se é ele que nos faz seguir para o futuro...
Adorei
Boa semana
Beijo
Saudade